Maio - 2022 - Edição 279

Retificando

“Confirmo que o valor estava correto. Os fatos retificaram a previsão do departamento.” Melhor verificar novamente. O vocábulo foi utilizado erroneamente no período. Veja: Ratificar – significa confirmar, comprovar. Retificar – significa corrigir, emendar. Período correto: “Confirmo que o valor estava correto. Os fatos ratificaram a previsão do departamento.”


Suspensão justa

“O atraso constante da aluna implicou em suspensão por dois dias.” A punição seria mais justa se o complemento do verbo implicar estivesse certo. Este verbo, no sentido de acarretar, é transitivo direto, logo o seu complemento – objeto direto – não admite preposição. Frase correta: “O atraso constante da aluna implicou suspensão por dois dias.”


Cedeu ou não?

Thiago disse para Liliane: “Ou chegas cedo ou não cedo.” Perfeito! Cuidado com os homônimos perfeitos (palavras de grafia igual e significado diferente). No primeiro caso: cedo é referente ao advérbio de tempo. No segundo caso: cedo é o presente do indicativo do verbo ceder (eu cedo, tu cedes, ele cede, nós cedemos, vós cedeis, eles cedem).


Filme ruim

“Isac foi com a esposa na estréia do filme tão aguardado.” Não será sucesso de audiência! Não se usa mais o acento dos ditongos abertos éi e ói das palavras paroxítonas (palavras que têm acento tônico na penúltima sílaba). Período c


Reunião cancelada

“Ao invés de fazermos um relatório, discutiremos no encontro com o prefeito.”
Não vai fechar negócio, dessa maneira. Veja: Em vez de utiliza-se como uma substituição, já ao invés de é utilizado como oposição. Ex. Subimos, ao invés de descer a escada rolante. Frase correta: “Em vez de fazermos um relatório, discutiremos no encontro com o prefeito.”


Curiosidade

Hagiônimo é a designação dada aos nomes sagrados, sendo facultativo o uso de letras maiúsculas. Exemplo: muitos católicos são devotos de Santo (ou santo) Antônio, de São (ou são) Jorge, entre outros, mas todos acreditamos em DEUS.


Beleza?

“Qualquer pessoa se detem para observar as belezas da cidade que se preparou para receber os visitantes.”
Escrito desse jeito não desperta a vontade esperada. O verbo deter é derivado do verbo ter e, na 3ª pessoa do singular do presente do indicativo, tem acento agudo (oxítona terminada em – em): detém.
Período correto: “Qualquer pessoa se detém para observar as belezas da cidade que se preparou para receber os visitantes.”


Bulliyng?

“O rapaz ficava muito triste quando os colegas da escola diziam que ele era um João ninguém.”
De fato, uma situação muito desagradável e ainda errada. Quando um nome próprio se torna um substantivo comum, deve ser escrito com letra minúscula, como qualquer outro.
Nesse caso, ainda há o hífen: um joão-ninguém. Período correto: “O rapaz ficava muito triste quando os colegas da escola diziam que ele era um joão-ninguém.”


Ortografia

O X e o CH são motivo de muitas dúvidas: enxarcar ou encharcar?
Quando o en é prefixo, usado para se formar uma palavra derivada, respeita-se a grafia da palavra primitiva.
Observe: enchente, enchimento (vêm de cheio), encharcar (vem de charco), enchocalhar (vem de chocalho) etc.
Em tempo: ortografia quer dizer escrita correta, logo escrever ou dizer “ortografia correta” é redundância.


Regimento interno

“O regimento da faculdade do Gabriel previa advertências aos alunos que transgridissem as normas de disciplina previstas.”
Primeiramente, deveriam se preocupar com a correção na escrita do verbo transgredir.
É um verbo irregular e, em algumas pessoas do presente do indicativo e em todo o presente do subjuntivo, o e do radical passa para i. Observe: transgrido/ transgrides/ transgride/ transgredimos/ transgredis/ transgridem; transgrida/ transgridas/ transgrida/ transgridamos/ transgridais/ transgridam.
Entretanto, não é o caso do imperfeito do subjuntivo, pois não há a troca do “e”. Logo a forma correta é transgredissem.
Período correto: “O regimento da faculdade do Gabriel previa advertências aos alunos que transgredissem as normas de disciplina previstas.”


Por Arnaldo Niskier – Ilustrações de Zé Roberto