Untitled Document
Untitled Document

Breves (por Manoela Ferrari)

Dionísio Esfacelado (Quilombo dos Palmares), do acadêmico Domício Proença Filho, foi lançado com sucesso pela Autêntica Editora.

Abrem-se logo na primeira semana de janeiro as inscrições para mais um Prêmio Sesc de Literatura (2018), promoção existente desde 2003.

A Arte da Educação é o título da mais recente obra do professor Ronaldo Mota, chanceler da Universidade Estácio.

Junto com o PEN Clube e com o apoio do IHGB, a Academia Luso-Brasileira e a PUC-Rio, a Academia Carioca de Letras e seu acadêmico Paulo Roberto Pereira lançaram a obra completa de Manuel da Nóbrega.

Ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero prepara livro para a Ed. Record, relatando sua atribulada trajetória pela pasta.

Em homenagem aos 104 anos do nosso “poetinha”, a Editora Nova Fronteira lançou o box Vinícius de Moraes: música, poesia, prosa, teatro.

Editora “Oca”, formada por brasileiros, se lançou no mercado português com antologias poéticas de autores contemporâneos. A “Oca” veio das iniciais de ‘Oficina’ (editora liderada por Raquel Menezes) com ‘Azougue’ (de Sergio Cohn).

Com edição bilíngue, foi lançada, pela Ibris Libris, a obra XX Poemas de Alberto da Cunha Melo – numa versão inesperada de Celina Portocarrero, com organização de Claudia Cordeiro Tavares da Cunha Melo.

A Academia das Ciências de Lisboa, em parceria com a Casa de Trás-os-Montes e Alto Douro, lançou o Dicionário de palavras soltas do povo Transmontano.

A Escola de Balé do Teatro Bolshoi, da Rússia, ministra aulas regulares a cerca de 300 alunos, durante todo o ano, em Joinville, provenientes de 20 estados brasileiros. O esquema é de bolsa integral e, em quase 2 décadas, já formou 287 bailarinos.

De 2 a 4 de fevereiro, com o propósito de levantar o interesse local pela cultura lusófona, realiza-se, em Goa, a primeira edição do Festival Raças: Celebração da Literatura de Língua Portuguesa. Entre outros nomes, confirmaram presença Edney Silvestre, José Eduardo Agualusa e Tanana Salém Levy.

Cerca de 1.224 livros foram doados pela Biblioteca Nacional para distribuição nas 54 unidades prisionais do Rio. A leitura faz parte da remissão de pena no sistema carcerário fluminense, hoje estimado em torno de 50 mil presos.

Prevê-se no Instituto Inhotim, Minas Gerais, fechar o ano com um registro de 400 mil visitantes durante a temporada. O projeto do hotel-boutique, com a assinatura da arquiteta Freusa Zechmeister, tocada em parceria com a rede Txai Resorts, tem conclusão prevista para o segundo semestre de 2018.

Som ambiente com música bizantina ajuda a compor a exposição permanente criada pelos monges beneditinos capixabas no tradicionalíssimo Convento da Penha, em Vila Velha (ES). Quadros e peças datam da época de sua fundação, há quase cinco séculos.

Com roteiro da própria escritora, mais um livro de Thalita Rebouças vira longa-metragem. “Tudo por um pop-star” será lançado em tela grande no próximo ano.

Marcado para abril de 2018 o lançamento do livro que a economista Maria Silvia Bastos Marques escreve para a Editora Sextante, contando sua trajetória como presidente do BNDES, secretária de fazenda do Rio e presidente da Companhia Siderúrgica Nacional.

São Paulo terá o 1º Festival LER (Literatura e Entretenimento na Rua). Programado para maio, no Parque Ibirapuera, a estimativa é reunir 500 mil espectadores.

Quatro títulos do escritor de ficção científica Philip K. Dick foram adquiridos pela Ed. Alfaguara, para publicação a partir de janeiro. O primeiro será Um labirinto de morte.


Obtém projeção de performance ainda melhor para 2018, na Ancine, o desempenho do audiovisual brasileiro na TV paga. No ano passado, o conteúdo foi de 13%, contra 71% do estrangeiro, no horário nobre. O número exigido por lei restringe-se a três horas e meia semanais. Chegou a cinco e vai crescer.


Já nas livrarias o controverso Mães arrependidas, da socióloga israelense Orna Donath, publicado pela Ed. Civilização Brasileira.


Ficou acertada para março de 2018 a primeira mostra individual no país da pintora sueca Hilmaaf Klint (1862–1944), reconhecida mundialmente pela produção de suas obras abstratas. Uma das pioneiras no estilo, a mostra da artista será na Pinacoteca – SP, exibindo 85 trabalhos.



“Ode às cores” é o título da exposição de inauguração da Galeria de Arte MBlois, em Ipanema. Com curadoria da artista plástica Marlene Montezi, a mostra homenageia Milan Dusek.



Pesquisa da Fundação Insti-tuto de Pesquisas Econômicas anotou 9.483 novos títulos lançados em plataformas digitais no Brasil, ao longo do ano. Desse montante, 55% são romances e biografias, 23% publicações técnicas e científicas, 8% obras didáticas, com os restantes 13%, representando termos religiosos.



O único cinema de Paraty, o da Praça da Matriz, recebeu aporte de 1,3 milhões de reais do BNDES para recuperação. Tombado pelo Iphan e sem exibições desde 1974, o espaço deve voltar a funcionar em 2018.



Baseado no ex-bilionário Eike Batista, a produtora Mariza Leão, da Morena Filmes, deu partida ao longa-metragem “Eike, Tudo ou Nada”.



A Editora Batel lançou a obra Rua Feliz Lembrança – Uma peça em dois atos, de Sergio Fonta.



Zico, lendário craque do Flamengo e da seleção brasileira, uniu-se a André Aguiar, ex-diretor de operações do Grupo Eleva Educação, para criarem a Inspira Rede de Educação, com foco em gestão e inovação no setor. Nasce com unidades no sul, sudeste e norte do país, contando, inicialmente, com 12 mil alunos. 



Consagrado ator cinematográfico internacional, Tom Hanks terá a obra lançada, no Brasil, pela Editora Arqueiro. Primeiro livro: Tipos incomuns, com 17 contos.



Cerca de 9,8 milhões de reais foi quanto o Prêmio Música Brasileira obteve de autorização do MinC para captação de incentivos culturais em sua edição do próximo ano. Sempre em julho, o evento acontece no Teatro Municipal do Rio.


Untitled Document
Untitled Document

Página Principal - Quem Somos - Expediente - Editorial - Opiniões - Letras e Letras - Lançamento - Bolsa do Livro
Assinatura - Publicidade - Contato - Novo Produto

Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2005, Jornal de Letras