Editorial

A venda dos livros do escritor Paulo Coelho, no mundo inteiro, é um fenômeno quase inacreditável. Ele ultrapassou todos os recordes anteriores, deixando para trás autores de muito sucesso, como sempre foi o caso de Jorge Amado, por exemplo. O acadêmico Paulo Coelho é a capa deste número, com pormenores da sua vida na Suíça (Genebra). Neste número, chamamos especial atenção, também, para a matéria sobre a educadora Terezinha Saraiva, uma das nossas mais premiadas professoras, secretária de Educação do Rio de Janeiro algumas vezes.

O seu exemplo é dignificante, pois começou a vida dando aulas no morro do Salgueiro, na Tijuca, de onde alçou voo para postos de relevo na administração pública. Terezinha Saraiva, hoje ligada à Fundação Cesgranrio, em postos de assistência social, continua trabalhando com idade avançada (mais de 90 anos), sem conhecer qualquer tipo de dificuldade. É um exemplo para administradores mais novos, que nós fazemos questão de exaltar em nossas páginas.

O Editor